19 novembro, 2016

Agripino defende Empreendedorismo no currículo escolar durante abertura de Encontro Nordestino de empresários juniores em Natal






Durante abertura do V Encontro Nordestino de Empresas Juniores (ENEEJ'16), na noite desta quinta-feira (17), na Arena Imirá Plaza na Via Costeira de Natal, o presidente nacional do Democratas, senador José Agripino (RN), destacou a importância de promover uma mudança na mentalidade dos estudantes ao inserir a disciplina Empreendedorismo no currículo escolar dos ensinos fundamental, médio e superior. Autor também da lei que regulamentou as empresas juniores no Brasil, o senador do RN fez questão de detalhar os benefícios da legislação para mudar a realidade de milhões de jovens no país.

“Quando me formei, imaginei que estivesse ‘feito’ na vida. E não é assim. Quando você sai da universidade é quando tudo começa. Se a gente puder dar suporte ao sonho de um jovem que sai da universidade cheio de expectativas para conquistar seu próprio emprego e até gerar outros empregos, em decorrência da sua experiência na empresa júnior, será uma grande contribuição para o futuro do nosso país”, ressaltou o senador para uma plateia de mais de 600 jovens universitários que estão na capital potiguar para participar do evento até o próximo dia 20. 

De acordo com o coordenador geral do evento, Vitor Navarro, poder contar com o apoio de um parlamentar no Congresso Nacional para dar suporte aos anseios da juventude e principalmente para defender as causas do empreendedorismo e das empresas juniores, é de grande valia para impulsionar não somente o desenvolvimento pessoal e profissional de cada universitário, mas o crescimento socioeconômico do país como um todo.

"Não é fácil sermos voz ativa no Congresso [Nacional], é bom para nós e para o Brasil ter esse suporte de um parlamentar que levanta bandeiras como essas do empreendedorismo e das empresas juniores. Depois da legislação aprovada o mercado passou a olhar para os empresários juniores de uma maneira diferente, mais respeitosa e isso muda tudo", disse Navarro destacando ainda a dificuldade de trazer um evento desse porte para Natal. "Não foi fácil viabilizar aqui no estado um evento dessa magnitude, mas a nossa equipe e os nossos patrocinadores mostraram que vale a pena acreditar no potencial e na capacidade de quem tem esperança e trabalha para mudar esse país", concluiu. 

Também participaram da solenidade de abertura o secretario de Tributação de Natal, Ludenilson Lopes, o diretor administrativo do SEBRAE-RN, Eduardo Viana, entre outras autoridades locais.

Fotos: Suelem Lobato