25 novembro, 2016

Rio Grande do Norte se destaca no ranking de integração da REDESIM



Como resultado dos investimentos na Junta Comercial do Estado (Jucern), o Rio Grande do Norte avança na simplificação no registro empresarial e ocupa a 8º colocação no ranking nacional de integração da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (REDESIM), elaborado pela Receita Federal. 

O dado foi confirmado pelo auditor fiscal da Receita Federal, Daniel Belmiro Fontes, durante palestra na 3º edição do Encontro Nacional das Juntas Comerciais (ENAJ) 2016. O evento é uma promoção da Jucern e acontece até o sábado (26), no Hotel Premier Majestic Natal, com a presença de diversas autoridades brasileiras do setor empresarial.

Os indicadores são extraídos do sistema integrado que permite a abertura, fechamento, alteração e legalização de empresas em todas as Juntas Comerciais do Brasil, simplificando procedimentos e atuando na desburocratização dos negócios, gerando fatores positivos para o desenvolvimento econômico dos estados. 

Esse sistema faz a integração de todos os processos dos órgãos de licenciamento e entidades responsáveis pelo registro, inscrição, alteração e baixa das empresas, por meio de uma única entrada de dados e de documentos.  

“O Rio Grande do Norte está em oitavo porque aponta para um alto nível de integração com os órgãos estaduais, municipais e a Receita Federal ligados ao REDESIM, o que representa para o empresário e para as empresas uma tramitação de processo mais ágil, simples e uma melhoria significativa no ambiente de negócio do estado”, contou.

A presidente da Junta Comercial do Rio Grande do Norte, Sâmya Bastos revelou, ainda, que a colocação do estado pode ser ainda melhor. “Já foram incorporadas duas novas integrações, o que vai elevar a pontuação do nosso estado no ranking nacional”, complementou.  A próxima atualização do índice deve ocorrer no mês de dezembro. 

A programação de palestras do ENAJ também contou com a participação do presidente do Instituto Brasileiro de Desenvolvimento de Relações Empresariais Internacionais (IBREI), Maurício Prazak, que falou dos diferentes modelos de Registro Empresarial, além da participação da diretora de Registro Mercantil da Câmara de Comércio de Bogotá (ASORLAC), Constanza Puentes, que apresentou as boas práticas de registros nos países da América Latina.

Nesta sexta-feira (25), está prevista uma série de reuniões entre os presidentes das Juntas Comerciais do país pela manhã. No período da tarde, às 14h30, os participantes fazem uma visita técnica ao Escritório do Empreendedor, no shopping Via Direta, e à sede da Jucern, na Ribeira.

A programação completa está disponível no site http://3enaj2016.jucern.rn.gov.br. O ENAJ acontece três vezes ao ano esta é a última edição de 2016. A realização do evento tem assinatura do Governo do Estado, por meio da Jucern, com apoio da Anprej, FIERN, Fecomércio, Senac, Sebrae, Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB), Ale, Riachuelo, Hapvida, Hybrid, ProSolution, Vox Tecnologia, Montreal Inove, Serasa Experian, Certisign, Avance, Qlik e Tocatto.