|

Memorial atenderá somente pacientes residentes em Natal

sábado, 17 de dezembro de 2016



Governo acumula dívida com o hospital desde julho

Sem receber da Secretaria Estadual de Saúde há quase seis meses, hospital Memorial se vê obrigado a suspender o atendimento aos pacientes do SUS provenientes das cidades do interior do RN, a partir da próxima segunda-feira, 19.

Referência em ortopedia e traumatologia, o Hospital Memorial realiza cerca de 25 cirurgias por dia em pacientes encaminhados pelo Walfredo Gurgel. Cerca de 60% das pessoas moram no interior e vêm buscar atendimento na capital. Como o Estado não tem honrado com o repasse mensal de verbas do convênio com o Memorial, a unidade começa a ter dificuldade em atender estes pacientes do SUS.  

“Nós médicos nos sentimos bastante incomodados quando há a necessidade de parar o atendimento, nossa missão é salvar vidas e oferecer bem-estar às pessoas debilitadas, escolhemos essa profissão para isso. Mas diante de uma dívida alta por parte do Estado, começamos a ter dificuldade na demanda do SUS de pacientes provenientes de cidades do interior”, desabafa o diretor do hospital, Ricardo Gomes.

Prestes a completar 26 anos de atividades, o Hospital Memorial tem uma equipe composta por 325 funcionários, dentre os quais o corpo médico especializado em pés, joelho, quadril, ombro, mãos, coluna e demais modalidades do tratamento ortopédico.