16 dezembro, 2016

Votação do OGE é adiada após mobilização dos policiais e bombeiros do RN



Após concentração dos policiais e bombeiros na Assembleia Legislativa do RN na manhã desta quinta-feira (15), junto com as entidades componentes do Fórum dos Servidores do RN, a votação do Orçamento Geral do Estado para 2017 foi adiada.  Para o Subtenente Eliabe Marques, presidente da Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares (ASSPMBMRN), “já é uma vitória a votação ter sido suspensa. Agora vamos trabalhar para reverter o texto proposto”.

Surpreendidos pela programação de votação do Orçamento para a manhã desta quinta-feira (15), no Pleno da Assembleia Legislativa do RN, os policiais e bombeiros militares decidiram modificar o local de reunião já marcada para frente da Governadoria. A Assembleia Geral Unificada dos Policiais e Bombeiros Militares do RN, que seria realizada às 9h na Governadoria, aconteceu por volta das 7h30 em frente à Casa Legislativa.

Na ocasião, os representantes das associações e sindicatos presentes foram recebidos pelo presidente da Assembleia, o deputado Ezequiel Ferreira, que se comprometeu a discutir o documento com as entidades antes da apreciação da proposta, que ficou para a próxima quarta-feira (21).

De acordo com o Subtenente Eliabe Marques, houve modificações no texto enviado pelo Executivo, de maneira que iriam agravar ainda mais a crise financeira que prejudica os servidores e a população do RN. “Os policiais e bombeiros pretendem protestar e pressionar os deputados a não votarem o texto do jeito que está”, afirma o presidente da ASSPMBMRN.

Sobre a possibilidade de paralisação geral, a categoria decidiu descartar temporariamente já que o Governo do Estado sinalizou a conclusão dos pagamentos de salário e décimo terceiro. Na tarde desta quinta-feira (15), o presidente da ASSPMBMRN se reúne com equipe do Executivo, e demais entidades do Fórum dos Servidores do RN, para discutir a regularização do calendário de pagamentos e a gratificação natalina.