|

Ortorexia Nervosa: quando a obsessão por comida saudável pode prejudicar a saúde

terça-feira, 31 de janeiro de 2017


 Você sabe o que é ortorexia nervosa? A dieta exagerada sem acompanhamento profissional tem levado cada vez mais pessoas à obsessão por comida saudável. Para especialistas, este problema tem ganhado cada vez mais visibilidade devido a influência constante da mídia sobre o culto ao corpo. Natasha Vilanova, nutróloga do Hapvida Saúde, chama atenção para os riscos no consumo de dietas restritivas.

“Ortorexia nervosa é um quadro caracterizado por uma obsessão por comer de forma saudável (ortho: correto; orexis: apetite). Cada vez mais encontramos pessoas que seguem dietas sem a orientação de um profissional da área, tendo como consequência, a restrição de grupos alimentares importantes para o equilíbrio do nosso organismo, levando a deficiências nutricionais”, alerta a nutróloga. 

Natasha Vilanova lembra que os indivíduos que sofrem desse transtorno alimentar não percebem o quão estão prejudicando sua saúde. O transtorno é muitas vezes identificado por familiares ou amigos próximos. Porém, mesmo com o alerta sobre esta obsessão, eles acabam restringindo ainda mais os alimentos. “Inicialmente, evitam produtos que contenham corantes, conservantes, gordura trans, açúcares e, ao longo do prazo a preocupação abrange até a forma de preparo e até os utensílios utilizados”, afirma.

Entre os problemas ocasionados pela restrição nutricional da ortorexia nervosa estão anemia, desnutrição, déficit de vitaminas e minerais, entre outras. Sem o acompanhamento adequado, tais condutas podem levar a alterações mais graves, sendo indicada internação para reajuste nutricional. 

Quando o quadro evolui para um distúrbio, Natasha Vilanova destaca que o tratamento ideal para a ortorexia é o acompanhamento com uma equipe multiprofissional, incluindo nutrólogo, psiquiatra, nutricionista e psicólogo. Abrangendo tanto a correção das deficiências nutricionais como a terapia comportamental.