|

Mineiro diz que a sociedade precisa conhecer e reagir às propostas da reforma Trabalhista

quinta-feira, 20 de abril de 2017


Crédito da Foto: João Gilberto

A aprovação do regime de urgência para a tramitação da reforma Trabalhista na Câmara dos Deputados foi tema do pronunciamento do deputado estadual Fernando Mineiro (PT) durante sessão ordinária na Assembleia Legislativa, nesta quinta-feira (20). Para o parlamentar, a sociedade precisa reagir às medidas propostas pela reforma.

“A sociedade precisa conhecer os detalhes da reforma Trabalhista, saber os impactos em relação aos contratos de trabalho, à justiça brasileira e à questão sindical. Querem fazer uma mudança profunda em detrimento das conquistas a partir de mentiras, se aproveitando do desconhecimento da sociedade”, disse Mineiro.

Para o deputado, à medida que a sociedade brasileira vai tomando conhecimento do conteúdo da reforma vai se posicionando contra ela. Mineiro destacou que o projeto não vai gerar empregos e sim “precarizar as relações de trabalho, afetando o mercado”.

Fernando Mineiro disse ainda que a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Central Única dos Trabalhadores (CUT) e o Conselho de Economia estão se mobilizando e organizando movimentos de resistência à reforma.

A Câmara dos Deputados aceitou, na noite de ontem (19), o requerimento de urgência para apreciação do projeto da reforma Trabalhista. O pedido foi aprovado por 287 votos a 144.