|

Probec cria projeto que envolve Legislativo e a educação cidadã

sexta-feira, 28 de abril de 2017


 
A educação cidadã terá espaço na Câmara Municipal de Natal e na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. As duas casas serão as pioneiras no país a fazer parte do novo projeto do Programa Brasileiro de Educação Cidadã – Probec chamado Parlamento Cidadão na Escola. O projeto tem como objetivo levar para todos os Municípios Brasileiros (Câmaras Municipais) e Estados da Federação (Assembleias Legislativas) e ao Congresso Nacional a educação cidadã.

A apresentação do projeto Parlamento Cidadão na Escola foi feita este mês na Câmara Municipal de Natal e na Assembleia Legislativa e recebeu total apoio das duas casas. Na ocasião, foi firmada parceria com o presidente da CMN, vereador Raniere Barbosa, e com o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza, para participação de cada instituição nas atividades do "Setembro Cidadão", tendo o projeto "Parlamento Cidadão na Escola", como base para promover a conscientização política dos adolescentes e jovens em idade escolar.

O Programa Brasileiro de Educação Cidadã – PROBEC é uma iniciativa que nasceu da experiência e parceria entre o Juiz Jarbas Bezerra e a Advogada Lígia Limeira, responsável por ações pioneiras no reconhecimento da importância da cidadania.

“Fechamos parceria já com a Câmara Municipal de Natal e a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. O início do projeto dar-se-á com o nosso Livro a Família Cidadã e as Eleições!”, garante Jarbas Bezerra, um dos idealizadores do Probec.

Para Lígia Limeira é grande a importância e o papel do Legislativo no empenho na colaboração para a implantação do Parlamento Cidadão na Escola. "Tivemos uma reunião produtiva com as duas casas legislativas, que se prontificaram a fazer a distribuição do material educativo nas escolas da capital potiguar e no interior. Nossa contrapartida será capacitar os professores para trabalhar com eficiência a cartilha sobre a formação dos indivíduos no processo político e eleitoral", informou.

Foto: AL