Workshop internacional aborda mercados sustentáveis para o setor energético

quinta-feira, 6 de abril de 2017



Evento também conta com rodadas de negócios entre empresas brasileiras e americanas.

Recife sedia, entre os dias 4 e 6 de abril, o primeiro workshop internacional “Energia Renovável e Inovações Interconectadas: Mercados Sustentáveis do Século XXI”. Especialistas em energia, empresários e gestores públicos do Brasil e dos Estados Unidos tem a oportunidade de trocar experiências visando gerar modelos de negócios e projetos comerciais entre os dois países para atender as necessidades de um setor energético em evolução.

A iniciativa é uma parceria do Governo de Pernambuco com o Consulado Geral dos Estados Unidos no Recife e o Governo da Califórnia, estado americano considerado referência no uso de novas tecnologias para as energias renováveis.

O Diretor de Tecnologia, Pesquisa e Inovação do Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE), Olavo Oliveira, participa do evento, que reúne empresas como a americana Tesla, conhecida mundialmente por desenvolver tecnologia de ponta para veículos elétricos.

“No primeiro dia tivemos debates com palestrantes nacionais e internacionais, incluindo o Rodrigo Sauaia (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica) e o David Hochschild e Angelina Galiteva, ambos membros do comitê de energia da Califórnia”, disse Olavo.

Durante o workshop foi lançado o projeto "Noronha Carbono Zero", que pretende transformar o arquipélago de Fernando de Noronha em um local que gera 100% de sua energia elétrica através de fontes renováveis e o primeiro território livre de emissão de carbono do país.

O evento segue até esta quinta-feira (06) com uma discussão sobre políticas públicas pelo Ministério de Minas e Energia, a questão da água em relação às energias renováveis e, finalizando a programação, "serão formados grupos de trabalho com o objetivo de elaborar propostas e traçar soluções para o projeto sustentável em Noronha", conclui Olavo Oliveira, diretor setorial do CERNE.