|

Proprietários de quiosques e bares em praças públicas vão assumir contas de água e luz

terça-feira, 22 de agosto de 2017


A Prefeitura de Macau começa a colocar em prática um das medidas de enfrentamento a crise anunciada pelo Prefeito Tulio Lemos, na última semana. A Secretaria Municipal de Infraestrutura já iniciou as notificações dos proprietários de quiosques e bares em praças públicas para estes assumam as contas de água e luz dos seus estabelecimentos.
Segundo a Secretária de Infraestrutura, Rose Anne Araújo, a medida vai trazer uma economia significativa para os cofres da prefeitura, uma vez que boa parte desses estabelecimentos tem uma estrutura de dois a três freezers, que muitas vezes ficam ligados 24 horas por dia e ainda comportam máquinas de som nos finais de semana para apresentação de artistas.
“É uma conta invisível, mas que custa caro ao bolso da população, uma vez que esses recursos podem ser investidos para a melhoria de praças, ruas e prédios públicos”, observou Rose Anne Araújo, informando que todos os comerciantes que se enquadram nessa situação terão um prazo de 30 dias para solicitar a Cosern e a Caern a instalação de medidores e hidrômetros.